sábado, 17 de dezembro de 2011

Ao vento




As vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido. Fernando Pessoa







Fotos: Queila Tavares

sábado, 15 de outubro de 2011

Crônicas de Amor




Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta.
O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.
Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais.
Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.
Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.
Você ama aquela petulante. Você escreveu dúzias de cartas que ela não respondeu, você deu flores que ela deixou a seco.
Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no ódio vocês combinam. Então?
Então, que ela tem um jeito de sorrir que o deixa imobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD, você adora brigar com ela e ela adora implicar com você. Isso tem nome.
Você ama aquele cafajeste. Ele diz que vai e não liga, ele veste o primeiro trapo que encontra no armário. Ele não emplaca uma semana nos empregos, está sempre duro, e é meio galinha. Ele não tem a menor vocação para príncipe encantado e ainda assim você não consegue despachá-lo.
Quando a mão dele toca na sua nuca, você derrete feito manteiga. Ele toca gaita na boca, adora animais e escreve poemas. Por que você ama este cara?
Não pergunte pra mim; você é inteligente. Lê livros, revistas, jornais. Gosta dos filmes dos irmãos Coen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor.
É bonita. Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar. Independente, emprego fixo, bom saldo no banco. Gosta de viajar, de música, tem loucura por computador e seu fettucine ao pesto é imbatível.
Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo. Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?
Ah, o amor, essa raposa. Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados.
Não funciona assim.
Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível.
Honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó!
Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é! Pense nisso. Pedir é a maneira mais eficaz de merecer. É a contingência maior de quem precisa.
(Arnaldo Jabor)

Ah esse amor!






Um amor que chega inesperadamente, que me faz 
sentir uma mistura de emoções, que invade meu 
corpo inteiro, como se dono fosse do meu ser, me 
fazendo querer apenas estar presa naquele momento
único de poder olhar você, uma distancia que apenas
o vidro nos separa.
Cheios de sonhos, uma mistura de realidade e ficção,
presos em uma dimensão, à espera dos sonhos se 
tornarem realidade.
Ah esse amor, esse amor, que chega sem medo e me seduz.
Que ânsia em ter-te. 
Que amor mais louco, que chega a doer de tanta saudade.
Amor de almas, de corpos e em teu corpo delírios, 
e em teu cheiro uma perfume que fixa em mim.


Queila Tavares

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Soneto do Amor Total







Amo-te tanto, meu amor ... não cante
O humano coração com mais verdade ...
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade.

Amo-te afim, de um calmo amor prestante
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.

Amo-te como um bicho, simplesmente
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim, muito e amiúde
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.




Vinícius de Moraes

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Aprenda a gostar de você



 Aprenda a gosta de você a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você...
A idade vai chegando e, com o passar do tempo, nossas prioridades na vida vão mudando...
A vida profissional, a monografia de final de curso, as contas a pagar...
Mas uma coisa parece estar sempre presente... A busca pela felicidade, com o amor da sua vida.
Desde pequenas ficamos nos perguntando ''quando será que vai chegar?'' E a cada nova paquera, vez ou outra nos pegamos da duvida, ''será que é ele?''
Cada namorado era o novo homem da sua vida.
Fazíamos planos, escolhíamos o nome dos filhos, o lugar da lua-de-mel e, de repente...
PLAFT! como num passe de mágica ele desaparecia, fazendo criar mais expectativas a respeito ''do próximo''.
Você percebe que cair na guerra quando se termina um namoro é muito natural, mas que já não dura mais de três meses Agora, você procura melhor e começa a ser mais seletiva.
Procura um cara formado, trabalhador, bem resolvido, inteligente, com aquele papo que a deixa sentada no bar o resto da noite.
Você procura por alguém que cuide de você quando está doente, que não reclame em trocar aquele churrasco dos amigos pelo aniversario da sua avo, que jogue ''imagem e ação'' e se divirta como uma criança que sorria de felicidade quanto te olha, mesmo quando você está de short, camiseta e chinelo.
A liberdade, fica sem compromisso, sair sem dar satisfação, já não tem o mesmo valor que tinha antes.
A gente inventa um monte de desculpas esfarrapadas, mas continuamos com a procura incessante por uma pessoa legal, que nos complete, e vice-versa.
Enquanto tivermos maquiagem e perfume, vamos a luta...
E haja dinheiro para manter a presença em todos os eventos da cidade: churrasco, festinhas, boates na quinta-feira.Sem falar na diversidade, que vai do Forró ao Beatles.Mas o melhor dessa parte é se divertir com as amigas, rir até doer barriga, fazer aqueles passinhos bregas de antigamente e curtir o som...Olhar para o teto, cantar bem alto aquela música que você adora.Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz comum a outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela.Percebe também que aquele cara que você ama (ou acha que ama), e que não quer nada com você, definitivamente não é o homem da sua vida.Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.O segredo é não correr atrás das borboletas... é cuidar do jardim para que elas venham até você. No final das contas, você vai achar, não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

Mário Quintana

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Nem tudo é fácil





É difícil fazer alguém feliz, assim como é fácil fazer triste.
É difícil dizer eu te amo, assim como é fácil não dizer nada
É difícil valorizar um amor, assim como é fácil perdê-lo para sempre.
É difícil agradecer pelo dia de hoje, assim como é fácil viver mais um dia.
É difícil enxergar o que a vida traz de bom, assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.
É difícil se convencer de que se é feliz, assim como é fácil achar que sempre falta algo.
É difícil fazer alguém sorrir, assim como é fácil fazer chorar.
É difícil colocar-se no lugar de alguém, assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.
Se você errou, peça desculpas...
É difícil pedir perdão? Mas quem disse que é fácil ser perdoado?
Se alguém errou com você, perdoa-o...
É difícil perdoar? Mas quem disse que é fácil se arrepender?
Se você sente algo, diga...
É difícil se abrir? Mas quem disse que é fácil encontrar
alguém que queira escutar?
Se alguém reclama de você, ouça...
É difícil ouvir certas coisas? Mas quem disse que é fácil ouvir você?
Se alguém te ama, ame-o...
É difícil entregar-se? Mas quem disse que é fácil ser feliz?
Nem tudo é fácil na vida...Mas, com certeza, nada é impossível
Precisamos acreditar, ter fé e lutar para que não apenas sonhemos, 
Mas também tornemos todos esses desejos,realidade!!!


Cecília Meireles

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

A violeta


Hoje deu vontade de ler Castro Alves






(A uma icógnita... )


A ROSA vermelha
Semelha
Beleza de moça vaidosa, indiscreta.
As rosas são virgens
Que em doudas vertigens
Palpitam,
Se agitam
E murcham das salas na febre inquieta.

Mas ai! Quem não sonha num trêmulo anseio
Prendê-las no seio
Saudoso o Poeta.

Camélias fulgentes,
Nitentes,
Bem como o alabastro de estátua quieta...
Primor... sem aroma!

Partida redoma!
Tesouro
Sem ouro!
Que valem sorrisos em boca indiscreta?

Perdida! Não sonha num tremulo anseio
Prender-te no seio
Saudoso o Poeta

Bem longe da festa
Modesta
Prodí­gios de aroma guardando discreta
Existe da sombra,
Na lí¢nguida alfombra,
Medrosa,
Mimosa,
Dos anjos errantes a flor predileta

Silêncio! Consintam que em trêmulo anseio
Prendendo-a no seio
Suspire o Poeta.

Filha dos ermos
Sem temos!
O casta, suave, serena Violeta
Tu és entre as flores
A flor dos amores
Que em magos
Afagos
Acalma os martí­rios de uma alma inquieta.

Por isso é que sonha num trêmulo anseio,
Prender-te no seio
Saudoso o Poeta! ...


Castro Alves

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

QUEM É MAIS RICO, O BRASIL OU OS EUA?


Gostei deste texto e estou compartilhando:

De Alexandre Garcia - Repórter e comentarista

Um amigo americano acaba de me mandar uma carta, com o resultado de uma comparação entre nós e os americanos.
Uma discussão em que o ianque prova, pela ciência exata da matemática, que nós brasileiros somos mais ricos que os americanos. Segue a carta:

"Caros amigos brasileiros e ´ricaços´!

Vocês brasileiros pagam o dobro do que os americanos pagam pela água que consomem, embora tenham mais água doce disponível (aproximadamente 25% da reserva mundial de água doce está no Brasil).
Vocês brasileiros pagam 60% a mais nas tarifas de telefone e eletricidade, embora 95% da produção de energia em seu país seja hidroelétrica (mais barata e não poluente) enquanto nós, pobres americanos, somente podemos pagar pela energia altamente poluentes, produzidas por termelétricas à base de carvão e petróleo e as perigosas usinas nucleares.
Vocês brasileiros pagam o dobro pela gasolina, que ainda por cima é de má qualidade que acabam com os motores dos carros. (Cerca de 21% da gasolina é composta de álcool anidro e ainda querem aumentar este percentual para beneficiar os usineiros de álcool). Não dá para entender, seu país é quase auto-suficiente em produção de petróleo (85% é produzido aí) e ainda assim têm preços tão elevados. Aqui nos EUA nós defendemos com unhas e dentes o preço do combustível que está estabilizado a vários anos. (US$ 0,30 trinta centavos de Dólar = R$ 0,90 noventa centavos de Real. Obs.: gasolina pura, sem mistura).
Por falar em carro, vocês brasileiros pagam R$40 mil por um carro que nós nos Estados Unidos pagamos R$20 mil. Vocês dão de presente para seu governo R$20 mil para gastar não sabe com que e nem aonde, já que os serviços públicos no Brasil são um lixo perto dos serviços prestados pelo setor público nos Estados Unidos.
Na Flórida, caros brasileiros, nós somos muito pobres,o governo estadual cobra apenas 2% de imposto sobre o valor agregado (equivalente ao ICMs no Brasil), e mais 4% de imposto federal, o que dá um total de 6%. No Brasil, vocês são muito ricos, afinal concordam em pagar 18% só de ICMs.
E já que falamos em impostos, eu não entendo por que vocês alegam serem pobres, afinal vocês não se importam em pagar, além desse absurdo ICMs mais PIS, COFINS, CPMF, ISS, INSS, IPTU, IPVA, IR, ITR e outras dezenas de impostos, taxas e contribuições, em geral com efeito cascata, de imposto sobre imposto, e ainda fazem festa nos estádios de futebol e nas passarelas de Carnaval. Sinal de que não se incomodam com esse confisco maligno que o governo promove, lhes tirando 4 meses por ano de seu suado trabalho (De acordo com estudos realizados, um brasileiro trabalha 04 meses por ano somente para pagar a carga tributária de impostos diretos e indiretos).
Nós americanos, lembramos que somos extremamente pobres, tanto que o governo isenta de pagar imposto de renda todos que ganham menos de US$ 3 mil dólares por mês (equivalente a R$ 9.300,00 Reais) enquanto aí no Brasil os assalariados devem viver muito bem, pois pagam imposto de renda todos que ganham a partir de R$ 1.200,00. Além disso, vocês têm desconto retido na fonte, ainda antecipam o imposto para o governo, sem saber se vão ter renda até o final do ano. Aqui nos Estados Unidos, nós declaramos o imposto de renda apenas no final do ano, e caso tenhamos tido renda, aí sim recolhemos o valor devido aos cofres públicos. Essa certeza nos bons resultados futuros torna o Brasil um país insuperável.
Aí no Brasil vocês pagam escola e livros para seus filhos porque, afinal, devem nadar em dinheiro e aqui nos Estados Unidos, nós pobres pais americanos, como não temos toda essa fortuna, mandamos nossos filhos para as excelentes escolas públicas com livros gratuitos.
Vocês, ricaços do Brasil, quando tomam no banco um empréstimo pessoal, pagam POR MÊS o que nós pobres americanos pagamos POR ANO.
Caro amigo brasileiro, quando você me contou que pagou de R$ 2.500,00 pelo seguro de seu carro, aí sim eu confirmei a minha tese: vocês são podres de rico!!!!! Nós nunca poderíamos pagar tudo isso por um simples seguro de automóvel. Por meu carro grande e luxuoso, eu pago US$345,00.
Quando você me disse que também paga R$ 1.700,00 de IPVA pelo seu carro não tive mais dúvidas. Nós pagamos apenas US$ 15,00 de licenciamento anual não importando qual tipo de veículo seja.
Afinal, quem é rico e quem é pobre? Aí no Brasil, 20% da população economicamente ativa não trabalha.
Aqui, não podemos nos dar ao luxo de sustentar além de 4% da população que está desempregada.
Não é mais rico quem pode sustentar mais gente que não trabalha?"

Caro leitor, estou sem argumentos para contestar este ianque. Afinal,a moda nacional brasileira é a aparência. Cada vez mais vamos nos convencendo de que não é preciso ser, basta parecer ser. E, afinal, gastando muito, a gente aparenta ser rico. Realmente é difícil comparar esta grande nação chamada Estados Unidos que desde seu descobrimento teve uma colonização de povoamento, com nosso país que foi colônia de exploração por mais de 300 anos, com nossas riquezas sendo enviadas para Portugal. E hoje ainda sofremos com essa exploração, só que dos próprios governantes que pilham e enviam nossas riquezas para suas contas bancárias em paraísos fiscais.
E não fazemos nada para promover uma mudança radical de atitudes, conceitos e afirmação de nossa dignidade. Precisamos sair deste comodismo que estamos vivendo ou o sonho do país do futuro será apenas um ideal na boca dos demagogos que estão no poder.

sábado, 20 de agosto de 2011

As 10 cidades mais poluídas do mundo




Todo ano a consultoria Mercer elabora um relatório avaliando a qualidade de vida em 221 grandes cidades do mundo. Um dos rankings preparados pela consultoria é o “Eco-City”, que classifica as cidades do ponto de vista ambiental. Segundo esta lista, Porto-Príncipe, capital do Haiti, é a cidade mais poluída do mundo.
Os critérios que a consultoria leva em conta em sua pesquisa são a oferta de água doce, o volume de água potável, as medidas para remoção de resíduos, a condição dos esgotos, poluição do ar e nível de congestionamentos. Cada cidade recebe uma nota, que tem como referência o número 100, nota atribuída a Nova York.

Segue abaixo a lista

10º lugar - Lagos (Nigéria): Indústrias estão instaladas ao longo dos rios da cidade, o que resulta em poluição das águas. Além disso, o combustível usado nos carros tem alto teor de chumbo, altamente nocivo. Ao olhar para a cidade de Lagos, a maioria de nós só enxerga caos. A megacapital da Nigéria é conhecida por seus problemas de superpopulação, crime, infraestrutura precária e poluição. No ranking de 2010 da qualidade de vida, publicado pelo Economist Intelligence Unit para as 140 maiores cidades do mundo, Lagos ficou na posição número 137.




9º lugar - Nova Déli (Índia): A cidade tem um dos maiores índices de mortalidade infantil. O lixo faz uma grossa camada na superfície do rio Yamuna. O país com seus 1,2 bilhões de habitantes, enfrentam os desafios da rápida urbanização e industrialização, como a poluição, ( a Índia é o 5° maior emissor de carbono do mundo), o saneamento básico e o abastecimento de água são precários.




8º lugar - Bagdá (Iraque): A contaminação dos reservatórios de água é um dos grandes problemas enfrentados pela cidade. Em 2007, população sofreu um surto de cólera.




7º lugar - Mumbai (Índia): Com o crescimento vertiginoso nas últimas duas décadas, Mumbai também passou a ter problemas recorrentes em grandes cidades, como saneamento básico insuficiente e trânsito caótico.



6º lugar - Cidade do México (México): É conhecida na América do Norte como a capital da poluição atmosférica.


5º lugar - Antananarivo (Madagascar): A ação do homem na ilha começa a prejudicar a fama da exuberante Madagascar. Antananarivo enfrenta problemas como a contaminação de águas por causa dos esgotos e a poluição do ar.



4º lugar - Kolkata (Índia): Os carros velhos são vilões da poluição devido à emissão de poluentes em grande escala.


3º kugar - Baku (Azerbaijão): A cidade sofre com o alto nível de poluição do ar. A atmosfera de lá é carregada de partículas derivadas da perfuração e do transporte de petróleo.



2º lugar - Daka (Bangladesh): A cidade luta, sem sucesso, contra a poluição de suas águas. Por causa da grande quantidade de pesticidas despejadas nos reservatórios, a superfície da
água tem aspecto viscoso.


1º lugar - Porto Príncipe (Haiti): A cidade, arrasada por um terremoto no ano passado, é a mais poluída do mundo, segundo o ranking. Depois da tragédia, apenas 5% dos escombros foram retirados, a população sofre com uma epidemia de cólera, desemprego, trânsito e falta de água potável. Na foto, o Mercado le Salines, apelidado de 'Cozinha do Inferno' pelos soldados brasileiros.





quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Um brinde à sabedoria das letras!




Escrever com alma satisfaz todo e qualquer tipo de inspiração
Quando ela vem, não importa o lugar tampouco o momento
Nunca a desperdiço, jamais a deixo de lado!
O momento é esse, a hora é agora...
Quem disse que intuição é coisa controlável, é programável?
Alguém falou, um dia, que não somos senhores do nosso querer,
Portanto, regras demais atrapalham, esvaziam-se no tempo...
Ser previsível é ser pobre de espírito,
É ser tolo de alma, de amor, de vida!
Feliz é quem pode escrever todo dia algo diferente, quente, ardente...
Algo que fique no tempo, que marque a vida de outro alguém!
Anjos me dizem algo a todo momento,
Em cada esquina, em cada instante que vivo,
Percebo a presença e a força do que vem do alto!
Talvez você não entenda, mas viver ultrapassa qualquer tipo de entendimento...
Porém não é preciso entender tudo,
Algumas sensações são muito melhores do que as certezas que, às vezes, pensamos ter!
Prefiro as possibilidades, os acasos com todas as suas inesperabilidades!
Não corro atrás do que é certo, mas daquilo que me faz feliz!
Não fico esperando o momento ideal,
Às vezes a espera pode levar uma vida inteira...
Escrevo, sobretudo, para dar vazão aos meus sentimentos!
Prendo-me a valores, a ações afirmativas, a pessoas especiais...
Dispenso o vazio do silêncio, o grito dos sem-razão, a ofensa de quem nada diz!
Presto atenção às palavras: escritas, faladas, sussurradas,
Mas, àquelas em que o prazer de lê-las, ouvi-las, senti-las,
Minh'alma procura, espera, corre atrás!
Então, um brinde à sabedoria das letras!
Um brinde a toda palavra que permanece em nossas memórias...
E a toda inspiração de quem, ao escrever,consegue
Revigorar sonhos,
Transformar vidas
E reescrever histórias!


KARINE BIGHELINE





sábado, 6 de agosto de 2011

As sete maravilhas do mundo moderno


As Novas Sete Maravilhas do Mundo foi uma revisão de caráter informal e recreativo da lista original das sete maravilhas. A seleção foi feita mundialmente por votos pela internet gratuitos e ligações telefônicas pagas e apresentada publicamente no dia 7 de Julho de 2007 no Estádio da Luz, em Lisboa, Portugal.
Quando se fala em sete maravilhas do mundo, é comum relacionar à célebre lista das Sete maravilhas do mundo antigo, que reúne as mais notáveis construções da antiguidade. Esta lista, entretanto, não é mais a única a tentar enumerar as maiores realizações da humanidade e/ou da natureza.
1º lugar: A Grande Muralha da China


Para se protegerem ou separarem, os homens constroem muros desde a Antigüidade.
O exemplo mais ancestral é o da Grande Muralha da China, com seus 3.460 quilômetros de extensão, mais outros 2.860 quilômetros de ramificações. Formidável obra de defesa militar, em alguns pontos com 16,5 metros de altura e torres invariavelmente erguidas a cada 60 metros, ela serviu de fronteira durante mil anos. Seus primeiros sinais remontam ao século VII antes de nossa era.

2º Lugar: Ruínas de Petra - Jordânia


Petra (9 a.C. - 40 d.C), Jordânia Na extremidade do Deserto árabe, Petra era a capital
reluzente do império dos Nabateus, na época do Rei Aretas IV (9 a.C. - 40 d.C.).  Mestres em tecnologia para o abastecimento de água, os nabateus  construíram grandes túneis e câmaras  com esse propósito, além de um teatro,  calcado em protótipos grego-romanos, para uma audiência de 4.000 pessoas. Hoje, as Tumbas do Palácio de Petra,com uma fachada de 42 metros de altura  (El-Deir Monastério),  são um exemplo impressionante de cultura do Oriente Médio.


3° Cristo Redentor, Rio de Janeiro, Brasil

Um dos mais belos símbolos do Rio de Janeiro, situado no topo do Morro do Corcovado, a 710 metros do nível do mar, o monumento mede 38 metros de altura - contando com o pedestal, onde o símbolo da cidade do Rio de Janeiro. Tornou-se  há uma capela - e pesa 1.145 toneladas. Foi concebida pelo escultor francês Paul Landowski e   esculpida por Heitor da Silva Costa. A estátua levou cinco anos para ser construída, tendo sido  inaugurada no dia 12 de Outubro de 1931. Tornou-se o símbolo da cidade do Rio de Janeiro.

4° Machu Picchu (1460-1470), Peru


Império Inca pelos espanhóis, a cidade foi considerada “perdida” durante mais de três séculos. Foi redescoberta por Hiram Bingham em 1911.
No século XV, o imperador inca Pachacutec edificou uma cidade nas nuvens, na montanha conhecida como Machu Picchu (“velha montanha”). Este extraordinário povoado está localizado no Planalto dos Andes, nas profundezas da floresta amazônica e acima do rio Urubamba. Abandonada pelos incas devido a um surto de varíola e após a derrota do 

Império Inca pelos espanhóis, a cidade foi considerada “perdida” durante mais de três séculos. Foi redescoberta por Hiram Bingham em 1911.

5° A Pirâmide de Chichén Itzá, México


A pirâmide em Chichén Itzá (anterior a 800 d.C.), Península de Yucatan, México, Chichén Itzá, a mais famosa Cidade Templo Maia, funcionou como centro político e econômico da civilização maia. As várias estruturas – a pirâmide de Kukulkan, o Templo de 
Chac-Mool, a Praça das Mil Colunas, e o Campo de  Jogos dos Prisioneiros – podem ainda hoje ser  admiradas e são demonstrativas de um extraordinário compromisso para com a composição e espaço arquitetônico. A pirâmide foi o último e, sem qualquer
dúvida, o mais grandioso de todos os templos da civilização maia.

6º Lugar: Coliseu de Roma, Itália


Este grandioso anfiteatro foi construído no centro de Roma no ano 82 d.C. em honra aos legionários vitoriosos e para celebrar a glória do império romano. O seu design conceitual mantém a
É através do cinema e dos livros de História que hoje temos noção das lutas

atualidade até os nossos dias, uma vez que, passados cerca de 2000 anos, praticamente todos os modernos estádios desportivos continuam a ter o cunho inconfundível do designoriginal do Coliseu.  cruéis e dos jogos que tinham lugar nesta arena, para júbilo dos espectadores.


7º Lugar: Taj-Mahal, Agra, India


Este imenso mausoléu foi construído em 1630 d.C. por ordem do Xá Jahan, o quinto imperador mogul muçulmano, em memória da sua falecida e adorada esposa. Construído em mármore branco e rodeado de maravilhosos e elaborados jardins, o Taj Mahal é considerado uma das mais perfeitas jóias da arte muçulmana na Índia. O imperador acabou por ser preso e, segundo se conta, daí em diante só conseguia ver o Taj Mahal a partir da pequena janela da sua cela.


As sete maravilhas do mundo antigo



As sete maravilhas do mundo é uma lista famosa de majestosas obras artísticas e arquitetônicas. Há duas listas das sete maravilhas do mundo, uma é do mundo antigo e a outra é do mundo atual.
As sete maravilhas do mundo antigo são obras erguidas durante a Antiguidade Clássica, atualmente a única que resiste parcialmente intactas são as Pirâmides de Gizé.



1. Pirâmides de Gizé:
Construída há 5 mil anos a.C, levou 20 anos para ficar pronta e nesse período contou com a mão-de-obra de aproximadamente 100 mil homens. A pirâmide principal era o sepulcro do Faraó Quéops, já as duas menores eram para os faraós Quéfrem e Miquerinos.




2. Estátua de Zeus em Olímpia
Construída no século V a.C pelo fabuloso escultor Phidias. Era feita em ouro e marfim medindo de 12 a 15 metros de altura. Foi destruída num incêndio em Constantinopla – atual Istambul, na Turquia. A estátua de Zeus na cidade de Olímpia, foi construída por volta de 450 a.C., em homenagem ao principal deus grego, pelo escultor e arquiteto grego Fídias.
Zeus está sentado em um trono, sobre sua cabeça uma representação de uma coroa de ramos de oliveira, na mão esquerda segurava um centro, sobre o qual havia a escultura de uma águia e na mão direita, uma escultura da deusa da vitória. Construída em estilo dórico, com 12 metros de altura, era revestida de marfim, ébano, ouro e pedras preciosas. Transferida para Bizâncio em 420, foi destruída por um incêndio em 475. Em 170 a.C., um terremoto abalou o templo e a estátua. O monumento foi restaurado, mas no século IV sofreu novo ataque, quando o imperador Constantino de Bizâncio determinou que fosse retirado todo o ouro que decorava o templo.



3.Jardins suspensos da Babilônia:
Os Jardins Suspensos foram construídos na Babilônia a mando do rei Nabucodonosor, no século VI a.C., tornando-se uma das principais obras arquitetônicas empreendidas pelo monarca durante seu reinado pela Mesopotâmia. A obra é considerada uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo, apesar de não se ter registros de sua existência em pesquisas arqueológicas.



4. Templo de Ártemis em Éfeso
Construído pelos habitantes de Éfeso, o templo foi reconstruído e aumentado diversas vezes. Em 262 d.C. foi destruído durante a invasão dos godos. 
O templo construído em homenagem à deusa Ártemis, deusa grega da caça, localizava-se em Éfeso, na atual Turquia.Sua construção se deu por volta de 550 a.C., obra do arquiteto cretense Quersifrão e de seu filho Metagenes. A construção do templo levou cerca de 200 anos para ser concluída. Media 129,5 metros de comprimento por 68,75 metros de largura. Era rodeada por 127 colunas de mármore de 18 metros de altura, em estilo jônico. No seu interior abrigava a imagem da deusa Ártemis, em ébano, ouro, prata e pedra e esculturas de bronze de Praxíteles. Em 356 a.C., foi incendiado por Eróstrato. Levou 20 anos para ser reconstruído, mas sofreu nova destruição em 262 a.C., pelos godos. Restaram algumas esculturas e objetos que pertencem hoje ao Museu Britânico, em Londres.



5. Mausoléu de Halicarnassus:
Construído por arquitetos gregos sobre os restos mortais do rei, marido e irmão da rainha Artemísia. Mausolo foi um rei provinciano do Império Persa que se casou com sua irmã, Artemísia II. A capital de Caria, seu reino, eraHalicarnasso. Mausolo reinou de 370 a.C. a  353 a.C., ao longo de seu reinado a cidade de Halicarnasso conheceu grande desenvolvimento em obras, a construção de edifícios públicos progrediu muito e também se realizou a construção de uma extensa muralha para proteger a cidade.



6. Colosso de Rhodes
O Colosso de Rodes foi uma estátua de Hélios, deus grego do sol, construída entre 292 a.C. e 280 a.C. pelo escultor Carés de Lindos. A estátua tinha trinta metros de altura, 70 toneladas e era feita de bronze. Tornou-se uma das sete maravilhas do mundo antigo.
Já que o colosso tinha um pé apoiado em cada margem do canal que dava acesso ao porto, todas as embarcações que chegasse à ilha grega de Rodes, no Egeu por volta de 280 a.C. passaria obrigatoriamente sob as pernas da estátua de Hélios, protetor do lugar. Com 30 metros de altura, toda de bronze e oca, a estátua começou a ser esculpida em 292 a.C. pelo escultor Carés, que a concluiu doze anos depois. Na mão direita da estátua havia um farol que orientava as embarcações à noite. Era uma estátua tão imponente que um homem de estatura normal não conseguiria abraçar seu polegar.



7.Farol de Alexandria:
Construído em 280 a.C tinha aproximadamente 135 metros de altura e no topo havia uma estátua de Hélio, o deus do Sol.Está acontecendo uma votação mundial para a escolha das sete maravilhas do mundo atual para que assim a lista seja formada.



sexta-feira, 29 de julho de 2011

Saudades, saudades, saudades




Tomara 
Que a tristeza te convença 
Que a saudade não compensa
E que a ausência não dá paz
E o verdadeiro amor de quem se ama
Tece a mesma antiga trama
Que não se desfaz


E a coisa mais divina
Que há no mundo

É viver cada segundo
Como nunca mais...
"Como Eu Quero Viver com Você....
o Verdadeiro Amor..que Não Se Desfaz .....!
Vinícius de Moraes

sábado, 23 de julho de 2011

É PRECISO NÃO ESQUECER NADA




É preciso não esquecer nada:
nem a torneira aberta nem o fogo aceso,
nem o sorriso para os infelizes nem a oração de cada instante.
É preciso não esquecer de ver a nova borboleta
nem o céu de sempre.
O que é preciso é esquecer o nosso rosto,o nosso nome,
o som da nossa voz, o ritmo do nosso pulso.
O que é preciso esquecer é o dia carregado de atos,
a idéia de recompensa e de glória.
O que é preciso é ser como se já não fôssemos,
vigiados pelos próprios olhos severos conosco, 
pois o resto não nos pertence.


Cecília Meireles

quinta-feira, 21 de julho de 2011

A Lista


Faça uma lista de grandes amigos,
quem você mais via há dez anos atrás...
Quantos você ainda vê todo dia ?
Quantos você já não encontra mais?
Faça uma lista dos sonhos que tinha...
Quantos você desistiu de sonhar?
Quantos amores jurados para sempre...
Quantos você conseguiu preservar?
Onde você ainda se reconhece,na foto passada ou no espelho de agora?
Hoje é do jeito que achou que seria?
Quantos amigos você jogou fora...
Quantos mistérios que você sondava,
quantos você conseguiu entender?
Quantos defeitos sanados com o tempo,era o melhor que havia em você?
Quantas mentiras você condenava,quantas você teve que cometer ?
Quantas canções que você não cantava,hoje assobia para sobreviver ...
Quantos segredos que você guardava,hoje são bobos ninguém quer saber ...
Quantas pessoas que você amava,hoje acredita que amam você?


Oswaldo Montenegro

Loucos e Santos


Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila. 
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos. Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo. Deles não quero resposta, quero meu avesso. Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim. Para isso, só sendo louco. Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.

Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta. 
Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria. Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto. Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade. Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos. Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça. Não quero amigos adultos nem chatos. Quero-os metade infância e outra metade velhice! Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa. 

Tenho amigos para saber quem eu sou. 
Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril.


Oscar Wilde

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Visita ao Museu do Seringal- Am

Vila Paraíso, cidade cenográfica do longametragem "A Selva". O roteiro começa no trapiche, local onde ocorria o embarque e desembarque da borracha, seguindo para o Casarão do Seringalista que reflete bem a riqueza dos seringais quando a borracha estava no auge de sua valorização econômica. O passeio prossegue no Barracão de Aviamento, Capela e na Casa de Farinha que mostra o processo artesanal da fabricação da farinha de mandioca. Seguindo a trilha no meio da mata conheceremos a árvore da seringueira e o processo de coleta do látex. Visita ao Tapiri de Defumação da Borracha, onde eram confeccionadas as bolas de látex ou "pélas" e à modesta Casa do Seringueiro completando o roteiro que retrata a vida e os costumes dos antigos seringais da Amazônia.





O Museu do Seringal é uma atração incrustada em meio à Floresta Amazônica. Mantido com a mais profunda paixão por Judith Guimarães Vieira, que dedica a vida à preservação da história amazônica, o museu retrata como era um seringal no começo do século XX.













simplesmente lindo adorei a visita....
-------------------------------
fotos: Queila Tavares